Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

ONLINE
1




Partilhe este Site...





Total de visitas: 405603
ENTREVISTA COM IVONE BOECHAT
ENTREVISTA COM IVONE BOECHAT

ENTREVISTA DE IVONE BOECHAT

  1. De onde você é? Quando você começou a se aventurar na literatura? Sofreu influência direta de parentes mais velhos, amigos, professores? O que aprendeu na escola o instigou a criar textos?

Sou natural de Bom Jesus do Itabapoana- Norte do Estado do Rio de Janeiro. Sempre gostei muito de ler. Meu pai tinha uma biblioteca imensa e nos incentivava a ler. Eu gostava de fazer redações e poesias, desde menininha. Na Escola éramos incentivados também.


  1. Você já leu muitas obras e lê frequentemente? Que gêneros (poesia, contos, crônicas, romance) e autores prefere?

 

-  Sim. Poesias de Augusto dos Anjos e Cecília Meireles sempre me emocionaram pela realidade e simplicidade. Crônicas de Machado de Assis, José de Alencar, Monteiro Lobato, Raquel de Queiroz, entre tantos.

 

  1. Costuma fazer um glossário com as palavras que encontra por aí (em livros, na internet, na televisão etc.) e ir ao dicionário pesquisá-las?

 
Sim. Quem gosta de escrever tem necessidade de fazer pesquisa.

 


  1. Há escritores de hoje na internet (não consagrados pelo povo) que admira? Em sites, Academias de que de repente você participa etc.

    Sim. Escritores fantásticos e posso citar alguns: Hilma Ranauro, Demétrio Sena, Benedita da Silva, Irai Verdan, tantos e tantos....
     

  2. Você costuma participar de antologias? Acha-as algo interessante? Participaria de uma se eu a lançasse?

 
Gosto de participar. Já houve decepções também.


  1. Você é membro de Academias de Letras? Aceitaria indicações para ingressar em Academias de Letras como membro?

 
Sou membro da Academia Duquecaxiense de Letras e Artes, de Duque de Caxias – RJ. Recebo muitos convites para ser membro de academias, mas realizo conferências no Brasil e no exterior e o meu tempo é curto.


  1. Tem ideia de quantos textos literários já escreveu? Há quanto tempo escreve ininterruptamente?

 
Não tenho mais idéia! Escrevo há muitos anos... na esperança de um dia aprender a escrever.



  1. Você tem dificuldade de escrever em prosa, em verso?


Não. Gosto de escrever nas duas modalidades.



  1. Você possui algum lugar onde publica textos virtualmente? Qual? 


Uma infinidade. Vou citar alguns: Autores.com, Mundo das poesias, Flick, Cá estamos nós(Portugal) Carmovasconcelos-fenix(Portugal)   Luso Poemas(Portugal)  SAPO ( Portugal) Jornal da Golpilheira( Portugal) Gospel News, Biblioteca Virtual de Escritores, Recanto das Letras, O melhor da Web, Paralerepensar, Revista Vale Gospel Notícias, etc. etc. etc.Escrevo há anos para o Jornal Milênio VIP de Magé-RJ Casa dos poetas e das poesias...


  1. Que temas prefere escrever? Prefere ficção ou o que vivencia e vê no dia a dia?

 
Tudo.
 


  1. Aprecia outros tipos de arte usualmente? Frequenta museus, teatros, apresentações musicais, salões de pintura? Está envolvido com outro tipo de arte (é pintor, músico, escultor?)

 
Sim. Freqüento museus, teatros, apresentações musicais, salões de artes. Tenho curso de música. Toco alguns instrumentos.


  1. Que retorno você espera da literatura para si mesmo no Brasil? E a nível de mundo?

 
È na literatura onde a humanidade reclina a cabeça, sempre...



  1. Você acha que o brasileiro médio costuma ler? Acha que ele gosta de literatura tradicional ou só de notícias rápidas e sem profundidade?

 
O brasileiro hoje lê muito na Internet, mas pacotes prontos, talvez indigestos, manipulados... A literatura está à disposição, como nunca, mas é preciso ensinar a selecionar,  incentivar.



  1. Você costuma registrar seus textos na FBN antes de publicá-los? Sabe da importância disso? 


Todos os meus textos tem registro da FBN. È importantíssimo para proteger a obra.



  1. Já tem livros-solo publicados? Consegue vendê-los com certa facilidade? 

 

Escrevi 17 livros. Vendo durante as atividades que realizo sistematicamente. Vender não é tão simples.



  1. Já conhecia o poeta-escritor Oliveira Caruso (desculpe-me... Esta pergunta é padrão para quem participa de meus concursos literários)?
     
    Já o conhecia pela Internet,  graças à obra que realiza.


  2. Você trabalha com literatura inclusive para aumentar sua renda ou a leva como um delicioso hobby?
     
    A literatura dá um retorno financeiro, sim, mas nunca me custeou plenamente.


  3. Você trabalha(ou) fora da literatura?


Trabalho há muitos anos na educação. Sim, ministro palestras e conferências.

topo